30.11.08

tudo vazio.
me sentir vivo ao ver o sangue correndo da ferida aberta me faz perceber isso.
os momentos de alegria são vividos bem, como o ensaio e as conversas falando besteiras, sentados à mesa do bar, regadas a cerveja. mas, sempre fica o sentimento de que falta algo.
de fato falta. um pedaço que ficou longe. quase longe demais esses dias.

Um comentário:

l u a . disse...

nossa. que template lindo. que foto linda. que cores incríves. que tremendo bom gosto.!


(até tomei um susto)